sábado, 17 de dezembro de 2016

Um Feliz Natal 2016

Mostra Filatélica "Homenagem ao Corpo de Bombeiros"


Caros leitores,

aqui vos deixamos um ficheiro PDF com o catálogo da Mostra Filatélica "Homenagem ao Corpo de Bombeiros" que esteve patente no quartel de Bombeiros em Vila Real de Santo António, desde  de 19 novembro de 2016 até ao dia 25 de novembro de 2016.
Apresentamos ainda o fragmento de um sobrescrito circulado com carimbo comemorativo referente à mostra filatélica no qual está retratado uma viatura Chevrolet, modelo CE61702-4251, conhecido como Carro Nevoeiro.

sábado, 10 de dezembro de 2016

Mostra Filatélica "A Religião"


Caros leitores,
aqui vos deixamos a imagem do carimbo comemorativo da mostra filatélica organizada pelo Núcleo de Filatelia "O Bichinho do Selo", desta vez alusiva ao tema religião.

quinta-feira, 8 de dezembro de 2016

Alcoutim recebe mostra filatélica


Caros leitores,

aqui vos deixamos o convite para a mostra filatélica que se vai realizar em Alcoutim na Casa dos Condes. A inauguração será no dia 9 de Dezembro de 2016 pelas 14 horas.
Os selos apresentados pertencem a Marie Claude Pelligand.

domingo, 4 de dezembro de 2016

Clube Colecionador (30 anos)


Caros leitores,

aqui vos deixamos uma imagem da capa da revista "Clube do Colecionador" referente ao semestre de julho/dezembro de 2016.
Refira-se ainda que a supra referida revista já é editada à mais de 30 anos, conforme podemos ver no destaque na capa.
No interior da revista podemos ler alguns artigos de muita qualidade e interesse, sobre diferentes temáticas.

Índice:
02 - Colecionar - ZX Spectrum;
06 - Arte em Relevo - Figurado de Barcelos;
08 - Literatura - O Novo Museu da Casa da Moeda;
10 - Em Destaque - Vinhas Velhas de Todas as Idades;
11 - Os Nossos Livros - Calçada Portuguesa (Linguagem Universal);
18 - Aconteceu Filatelia - Rádio (Uma Aventura com 80 anos);
20 - Aconteceu Filatelia - O Correio em Portugal;
22 - Aconteceu Filatelia - Centenário do 1.º Voo Militar em Portugal;
24 - Os Nossos Parceiros - 7x77 (História em 77 palavras);
26 - "Mianmar e Tailândia Inesquecíveis";
29 - Correio do Colecionador - Compra, Venda ou Troca;
30 - Montra do Colecionador - Edições CTT;
38 - Montra do Colecionador - Emissões Filatélicas;
41 - Montra do Colecionador - Produtos Filatélicos;
45 - Imprensa Nacional - Casa da Moeda - INCM.

sexta-feira, 4 de novembro de 2016

Portimão recebe carimbo de 1.º dia de circulação

Caros leitores,

aqui vos deixamos dois vídeos da cerimónia de colocação em circulação da série de selos alusivos às conserveiras portuguesas.


4

Lata de Selos

Sobrescritos de 1.º dia de circulação



quarta-feira, 19 de outubro de 2016

Gastronomia Portuguesa (Apresentação de coleção na EB 2/3 D. Dinis)


Caros leitores,

aqui vos deixamos algumas fotografias da biblioteca escolar da EB 2/3 D. Dinis em Quarteira no qual está patente uma coleção de Luís Brás alusiva à gastronomia portuguesa inserindo-se assim nas atividades da escola no âmbito da dieta mediterrânica.




sábado, 24 de setembro de 2016

Inauguração da ALGARPEX 2016

Caros leitores,

aqui vos deixamos um vídeo e algumas fotos da inauguração da ALGARPEX 2016.




Da direita para a esquerda: Jorge Bomba, Luís Brás, Aurélia Parreira, José Belchior e Francisco Paiva


sábado, 6 de agosto de 2016

Selo - Campeão da Europa 2016

Caros leitores,

aqui vos deixamos a imagem do bloco comemorativo da vitória da Seleção de Futebol Portuguesa no Campeonato Europeu de Futebol.

domingo, 31 de julho de 2016

Convite para ALGARPEX 2016



Caros leitores,

aqui vos deixamos o convite para mais uma ALGARPEX

"Prezado Coleccionador,

Com o maior prazer anunciamos a realização da "Algarpex 2016" - 7.ª Exposição Filatélica do Algarve, este ano a cargo da Secção Filatélica do Lions Clube de Portimão, a realizar de 21 a 25 de Setembro, no Hotel Júpiter, na Praia da Rocha.

As "ALGARPEX" - Exposições Filatélicas do Algarve são levadas a efeito, anual e alternadamente, pelo conjunto de Agremiações Filatélicas sediadas no Algarve, para coleccionadores naturais ou residentes na Província, com os seguintes objectivos:

- Divulgar e promover a filatelia na Província do Algarve incentivando novos coleccionadores; - Despertar o interesse dos filatelistas pela participação em certames filatélicos;
- Mostrar que, para ser coleccionador, não é obrigatório obedecer a critérios rígidos de apresentação; - Dar a possibilidade ao coleccionador de apresentar as suas colecções tal e qual como as idealizou; - Orientar e incentivar o coleccionador a enveredar pela competição; - Desenvolver os laços de amizade e colaboração entre os filatelistas, dando uma valiosa contribuição para a melhor compreensão entre todos; - Procurar difundir, principalmente entre a juventude, a actividade filatélica no que respeita ao seu valor cultural e ao seu interesse para a educação e ocupação de tempos livres; - Promover, anualmente, um grande encontro entre coleccionadores, com ampla participação de todos, onde possam mostrar as suas colecções, receber sugestões e criar amizades

Contamos com a sua valiosa participação para tornar esta Exposição anual um marco importante da Filatelia em Portugal e, em especial, no Algarve.

O Regulamento e Ficha de Inscrição (que poderá ser enviada por email) seguem em anexo.

Agradecemos divulgue este certame e estenda este convite a outros filatelistas que conheça, mesmo que sejam principiantes.

Aguardando a sua preciosa adesão, enviamos as nossas melhores

Saudações Filatélicas e Lionísticas


A Secção Filatélica do Lions Clube de Portimão"

Regulamento ALGARPEX 2016

Regulamento Especial da "ALGARPEX 2016" - 7.ª Exposição Filatélica do Algarve

A Secção Filatélica do Lions Clube de Portimão propôs-se organizar, a "ALGARPEX 2016" com o seguinte Regulamento:

Art.º 1.º - ORGANIZAÇÃO, PATROCÍNIO, LOCAL E DATA
1.1. A ALGARPEX 2016 - Exposição Filatélica do Algarve é organizada pela Secção Filatélica do Lions Clube de Portimão, com a colaboração da AFAL - Associação Filatélica Alentejo Algarve e da Secção Filatélica dos Bombeiros de Vila Real de Santo António, patrocínios e apoios da Federação Portuguesa da Filatelia, CTT - Correios de Portugal, Município de Portimão e Hotel Júpiter.
1.2. A ALGARPEX 2016 realizar-se-á, na Sala Medronheiro do Hotel Júpiter, na Praia da Rocha, de 21 a 25 de Setembro de 2016.

Art.º 2.º - REGULAMENTAÇÃO
2.1 A Exposição não é competitiva. Não se regerá pelos Regulamentos Oficiais de Exposições da Federação Portuguesa de Filatelia, exceto no respeitante à definição do material suscetível de ser considerado filatélico e permitido a ser exposto, consoante as diversas Classes Filatélicas.
2.1.1 A Exposição reger-se-á pelo presente Regulamento.

Art.º 3.º - CONDIÇÕES DE PARTICIPAÇÃO
3.1 Serão admitidos como expositores:
3.1.1 Os Correios de Portugal e Fundação das Comunicações
3.1.2 Os colecionadores, escritores e jornalistas filatélicos, naturais ou residentes no Algarve.
3.1.3 Os colecionadores da Andaluzia, inscritos por intermédio do Clube de Huelva a quem serão atribuídos um total de 25 quadros.


Art.º 4.º - GRUPOS DE PARTICIPAÇÃO
4.1 As participações serão distribuídas pelos seguintes Grupos e Secções:
Grupo A - Filatelia Tradicional
Grupo B - História Postal
Grupo C - Inteiros Postais
Grupo D - Aerofilatelia
Grupo E - Astrofilatelia
Grupo F - Filatelia Temática
Grupo G - Maximafilia
Grupo H - Juventude
 Secção "0" - Até 12 anos Secção I - de 13 a 15 anos
 Secção II - de 16 a 18 anos
 Secção III - de 19 a 21 anos
Grupo I - Literatura Filatélica
 Secção I - Manuais e Estudos
 Secção II - Catálogos Gerais
 Secção III - Periódicos Filatél.
 Secção IV - Artigos
 Secção V - Programas filatélicos através do formato audio- visual ou informático, incluindo páginas Web.
Grupo J - Selos Fiscais
Grupo K - Classe Aberta
Grupo L - Classe de um quadro Em cada um dos Grupos anteriores exceto no grupo de literatura
Grupo M - Filatelia Moderna (séc XXI - de 2001 a 2016) Tradicional, História Postal e Inteiros Postais
Grupo N - Postais Ilustrados

Art.º 5.º - INSCRIÇÕES, QUADROS, DESPESAS
5.1 As inscrições deverão ser feitas em formulários fornecidos pela Comissão Organizadora.
5.2 Cada expositor poderá inscrever, no máximo, duas participações, não contando para este número os grupos K, L e M. Não poderá ultrapassar os 8 quadros.
5.3 As inscrições deverão dar entrada na Comissão Organizadora até ao dia 25 de Agosto de 2016.
5.4 Competirá à Comissão Organizadora a aceitação das inscrições.
5.5 As participações serão apresentadas em quadros expositores de 1,20 m de altura por 1,00 m de largura, para 16 folhas formato A4, com exceção das participações do Grupo I que serão apresentadas em vitrinas.
5.6 Serão atribuídos a cada participação: - dos grupos A a G, J, K e N no máximo 8 quadros; - do grupo H de 1 a 5 quadros; - do grupo L, um quadro; - do grupo M, de 2 a 5 quadros;
5.7 As participações do grupo I deverão ser enviadas em duplicado, uma para ser exposta e outra para consulta do público. O material deste grupo não será devolvido.
5.8 Todas as folhas que façam parte das participações deverão estar protegidas por bolsas plásticas transparentes e numeradas, exceto no grupo da Literatura Filatélica.
5.9 As inscrições, por participante, é de 25 Euros (grátis para os Juvenis).

Art.º 6.º - PRÉMIOS 6.1 Será atribuído a cada expositor um Diploma de Participação e um troféu igual para todos os participantes.

Art.º 7.º - CONVÍVIO FILATÉLICO
7.1 Os participantes deverão estar presentes no Domingo dia 25 de Setembro, pelas 10,00 horas, para explicar e dar informações sobre a sua participação a quem o solicitar.
7.2 Os participantes terão à disposição, alguns Jurados do Quadro da Federação Portuguesa de Filatelia para quaisquer esclarecimentos e sugestões sobre o material apresentado pelo expositor.
7.3 Almoço convívio dia 25, grátis para os expositores, com distribuição de diplomas e lembranças.

Art.º 8.º - APOIO À JUVENTUDE
8.1 Nos dias 22 e 23 haverá visitas guiadas programadas destinadas aos alunos das Escolas do Concelho.

Art.º 9.º - MONTAGEM E DEVOLUÇÃO 4
9.1 A entrega das participações deverá ser feita impreterivelmente, até ao dia 20 de Setembro. Poderão ser montadas pelo próprio, no dia da inauguração, dia 17 de Setembro, das 10,00 às 16,00 horas.
9.2 A Comissão Organizadora responsabiliza-se pela montagem das participações que lhe forem entregues, de acordo com o item 9.1.
9.3 No decurso da Exposição não será permitido o levantamento do material exposto, seja a que pretexto for.
9.4 A Comissão Organizadora não se responsabilizará por quaisquer danos ou desvios, antes, durante ou depois da Exposição, sendo da responsabilidade dos expositores o seguro das suas participações se assim o entenderem.
9.5 O local da ALGARPEX 2014 manter-se-á, permanentemente, sob vigilância. 9.6. As participações poderão ser levantadas a partir das 17 horas do dia 25 de setembro.

Art.º 10.º - DISPOSIÇÕES GERAIS
10.1 Os casos omissos no presente Regulamento serão resolvidos pela Comissão Organizadora da ALGARPEX 2014.
10.2 Para todos os efeitos o endereço da Comissão Organizadora da ALGARPEX 2016 é o seguinte:

ALGARPEX 2016 - Lions Clube Edifício Auditório Municipal
Avenida Miguel Bombarda
8500-229 PORTIMÃO
Tl.: 282 418 345 Tm,: 935 438 471 Email: algarpex2016@gmail.com
   

sábado, 30 de julho de 2016

Laranja do Algarve


Caros leitores,

aqui vos deixamos um postal máximo elaborado com um postal editado pelo Centro de Caridade "Nossa Senhora do Perpétuo Socorro" - Porto, o selo "Frutos de Portugal - Laranja" colocado em circulação a 01 de setembro de 2015 e por fim a marca dia da Loja dos CTT Silves.


segunda-feira, 23 de maio de 2016

Ficha de inscrição no IV Encontro Internacional de Coleccionismo de Vila Real de Santo António


O IV Encontro Internacional de Coleccionismo de Vila Real de Santo António!!!!
Este ano com algumas novidades e até algumas melhorias!! Evento que terá lugar no dia 11 de Junho de 2016, pelas 09h00, no Centro Cultural Antonio Aleixo, bem no Centro de Vila Real de Santo António.
Esperamos poder contar com a vossa presença, para engrandecer este nosso 4º Encontro, que pretende divulgar o Coleccionismo na sua forma mais abrangente.
Para isso, contamos com coleccionadores de Pacotes de Açúcar, Selos, Moedas, Notas, Medalhas, Pins, Calendários de Bolso, Credifones, Porta-chaves, Canetas, etc, tanto Nacionais como Internacionais.
Vamos ter, à semelhança dos outros anos, muitas surpresas para todas as vertentes do Coleccionismo!
Esperamos por Vocês!!! 

quinta-feira, 19 de maio de 2016

Biblioteca Vicente Campinas apresenta o livro "O primeiro carimbo comemorativo dos CTT do Concelho de Castro Marim"


A Biblioteca Municipal Vicente Campinas (Vila Real de Santo António) e Francisco de Oliveira Matoso Galveias, têm o prazer de convidar V. Exª. para apresentação do livro “ O Primeiro Carimbo Comemorativo dos CTT do concelho de Castro Marim, com apresentação da jornalista Susana Helena de Sousa, que terá lugar na Sala Multiusos da Biblioteca, pelas 18 horas do próximo dia 20 de Maio de 2016.

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Catálogo da Mostra Filatélica 110 anos da chegada do comboio a Vila Real de Santo António




Como descobrir o valor de um selo


Caros leitores,

ao longo do tempo temos sido contactados por diversas pessoas que desejam vender os selos dos seus familiares, no entanto, não sabem o valor dos selos nem como poderão saber. Face ao exposto ficam aqui algumas dicas: 

Descubra a idade do selo. Diferente das moedas, os selos não carregam a data de impressão, o que torna mais difícil a tarefa de determinar a idade do mesmo.
  • Em alguns casos, é possível determinar uma data aproximada de impressão baseado no seu design, por exemplo, se ele tiver sido feito para homenagear um evento histórico na época de tal evento.
  • Selos mais antigos também foram impressos em papel diferente dos selos mais modernos.
  • Selos usados para um fim específico, como correspondência marítima, têm um histórico mais fácil de rastrear, sendo assim mais fácil de determinar sua idade.
Descubra onde o selo foi impresso. A proeminência histórica de um país pode influenciar no valor do selo. O país fabricante pode imprimir seu nome em uma língua desconhecida ou num alfabeto diferente do romano; se você descobrir o nome do país em alfabeto romano, pesquise no site Nations Online para descobrir a identidade do mesmo em seu idioma.

Observe como o desenho está centralizado. Mais importante que o desenho em si é a centralização dele no selo. É possível determinar a centralização olhando o selo de ponta cabeça.

Observe a cola do selo. Selos antigos eram revestidos com uma substância que deveria ser lambida para que o selo pudesse ser colado no envelope. O tipo de cola e suas condições podem influenciar no valor do selo.
  • Cola de menta é mais valiosa para os colecionadores do que a comum.
  • A cola distribuída uniformemente valoriza muito mais o selo do que a com falhas, rugas ou que tenha sido parcialmente removida. Por essa razão, um selo usado é mais valioso quando se encontra ainda colado no envelope ou cartão postal.
  • Álbuns de selos antigos, que são em forma de livros, desvalorizam os selos, já que as dobras podem danificá-los.
Observe as perfurações. Além da cola na parte de trás, os selos mais antigos eram impressos com pontilhados nas bordas para que pudessem ser separados uns dos outros. O tamanho pode ser medido através do padrão de perfuração, enquanto os pontilhados devem estar bem cortados.

Verifique se o selo foi cancelado ou não. O cancelamento impede que o selo seja usado para postagem; além de diminuir seu valor. O ideal é que não haja uma marca de cancelamento ou que ela seja leve e que não interfira no desenho do selo.

Descubra se o selo é raro. A raridade de um selo depende de quantas cópias dele foram produzidas. Selos produzidos nos últimos 60 anos geralmente valem somente o especificado na face, pois existem muitos deles em circulação. Por exemplo, o selo de 1 centavo do Benjamin Franklin de 1861 tem pouco valor pois estima-se que existem 150 milhões de cópias dele.
  • Selos com erros no desenho, como o selo famoso que teve seu desenho impresso de ponta cabeça, são raros e valiosos para os colecionadores. Esses selos estão entre os poucos que escaparam do controle de qualidade antes da distribuição.
Avalie a condição do selo. Os fatores listados acima ajudam a determinar a condição do selo, que pode ser classificada em dois níveis:
  • A condição expressa em três termos gerais: são, defeituoso, ou imperfeito. Um selo defeituoso possui apenas pequenas imperfeições, como uma pequena marca de dobra no canto. Um selo imperfeito possui grandes defeitos, como dobras, furos, abrasões ou manchas. Um selo são não possui imperfeições.
  • A condição expressa em sete níveis menores, similares aos usados para moedas: abaixo da média, aceitável, mediano, bom, excelente, muito excelente, e extremamente excelente.
Descubra a procura pelo selo. Mesmo que um selo raro esteja em ótimas condições, ele pode não ser tão procurado pelos colecionadores. A relação com um grande evento histórico ou mesmo o preço do selo pode influenciar sua procura

Consulte uma referência impressa. Você pode pesquisar o histórico e o valor de um selo consultando uma enciclopédia ou catálogo de selos. Algumas ótimas referências disponíveis na maioria das bibliotecas dos EUA são a "Enciclopédia do Colecionador de Selos" de Richard John Sutton e o "Catálogo Especial de Selos e Capas dos Estados Unidos" para selos americanos; já no Reino Unido existem o Catálogo Nacional Stanley Gibbons e o Catálogo de Selos do Império Britânico.

Pesquise na internet. Existem muitas fontes online para descobrir os valores de selos.
  • Sites de leilões como o eBay, Delcampe, Coisas podem dar uma ideia do valor atual de mercado para um determinado selo. Compare seu selo com os dispostos no site da maneira mais precisa possível.
  • Sites de compra e venda de selos oferecem um mercado para colecionadores e dão uma base para comparar seus selos e descobrir os valores.
  • Sites de entusiastas de selos oferecem fóruns de discussão onde você pode postar suas perguntas e aprender sobre filatelistas (http://www.selos-postais.com/forum/).
  • Enquanto os catálogos Yvert & Tailard, Scott e Gibbons não são acessíveis online, os catálogos Stanley Gibbons estão disponíveis no site da empresa, e os catálogos Scott podem ser pedidos nos sites de compra e venda de selos.
Visite feiras de selos. Esses eventos são ótimas oportunidades para ver os valores de mercado de vários selos e para conversar com outros colecionadores, que podem oferecer opções em valores.

Leve o selo para um profissional avaliar. Um avaliador é o melhor canal para descobrir o valor real de um selo, que normalmente será maior do que o preço de venda. Alguns avaliadores são também compradores de selos.
  • Peça recomendações de avaliadores para outros filatelistas ou consulte na internet os sites de associações como a Associação Americana de Compradores de Selos ou de organizações sem fins lucrativos, como a Sociedade Americana de Filatelia.

segunda-feira, 9 de maio de 2016

MF 110 Anos da Chegada do Comboio a Vila Real de Santo António

A Secção de Coleccionismo da Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Vila Real de Santo António convidam-no para a Mostra Filatélica Comemorativa dos 110 Anos da Chegada do Comboio a Vila Real de Santo António e que está integrado nas Comemorações do DIA DA CIDADE.

INAUGURAÇÃO – dia 9 de Maio pelas 15H30, no Átrio da Câmara Municipal de Vila Real de Santo António, com a presença da Vice-Presidente Dra. Maria da Conceição Cabrita.
POSTO DE CORREIO – dia 13 de Maio pelas 09H30, onde será aposto em todas as correspondências apresentadas para o efeito um Carimbo Comemorativo especialmente confeccionado pelos CTT-Correios para este acto.








VISITAS – A Mostra Filatélica pode ser visitada diariamente, durante as horas normais de expediente

A chegada do Correio a Vila Real de Santo António a 14 de Abril de 1906, foi presenciado por numeroso público que se aglomerou nas proximidades da Estação de Caminho de Ferro, na altura construída em madeira. Para as entidades oficiais foi construído um Pavilhão faustosamente engalanado com dezenas de bandeiras dando ao acto um ambiente festivo.
Mas, para chegar a este dia, dia em que se concluiu a então chamada Linha do Sul, entre o Barreiro e Vila Real de Santo António, muitos anos se passaram desde que foi dado o primeiro passo, a 6 de Fevereiro de 1855, data da publicação do Decreto de autorização dos Estatutos da Companhia de Caminhos de Ferro ao Sul do Tejo.
A 1 de Fevereiro de 1861 é aberta à exploração o primeiro troço entre o Barreiro e Vendas Novas e o troço entre Pinhal Novo e Setúbal, da Linha do Sado, que mais tarde seria integrado na Linha do Sul.
Depois….
Bem, depois… desde o Barreiro, foram Pinhal Novo, (Évora), Beja e Funcheira, o comboio chegaria a Faro a 21 de Fevereiro de 1889, um comboio de testes. A inauguração daquela Estação de Caminho de Ferro viria a acontecer a 1 de Julho do mesmo ano com a presença de Suas Majestades o Rei D. Luís I e a Rainha D. Maria Pia de Sabóia e restante Séquito Real, que foram transportados no “Comboio Real” até ao Algarve.
Para chegar a Vila Real de Santo António haveria ainda que concluir a restante linha de caminho de ferro até à fronteira, Olhão em 1904, Tavira em 1905 e finalmente Vila Real de Santo António 14 de Abril de 1906.

A construção da actual estação de Caminho de Ferro, projecto do Arquitecto Raul Lino foi concluída em 1945, tendo sido inaugurada nesse ano em 4 de Setembro o prolongamento até à fronteira, Apeadeiro de Vila Real de Santo António-Guadiana (Cottinelli Telmo) foi inaugurado em 24 de Janeiro de 1952, cujo primeiro comboio a chegar a este Apeadeiro foi o nº 8011, Rápido do Algarve, (Gazeta dos Caminhos de Ferro de 28/5/57), tendo estado em serviço até 1998 (?).

quarta-feira, 4 de maio de 2016

Francisco Galveias lança novo livro


Caros leitores,

aqui vos deixamos a notícia do lançamento do novo livro de Francisco Galveias denominado "O primeiro carimbo comemorativo dos CTT do Concelho de Casto Marim".

No referido livro podemos encontrar os seguintes capítulos:

  1. Selo da Ponte Internacional de Castro Marim;
  2. Primeira Mostra Filatélica de Castro Marim;
  3. Os Correios Assistentes de Castro Marim;
  4. As ALGARPEX's versus ONUGARVE's;
  5. ALGARPEX 2015 - VI Exposição Filatélica do Algarve;
  6. Selos Personalizados de Castro Marim;
  7. As Estações de Correio em Castro Marim;
  8. A Filatelia em Castro Marim e na Comunicação Social;

Este livro tratou-se de uma edição de autor tendo na 1.ª edição uma tiragem de 80 exemplares.

Mais notícias em:
https://www.facebook.com/municipio.castromarim/posts/1114364301960183
http://www.rua.pt/castro-marim-acolhe-investidura-templaria/
http://cm-castromarim.pt/info/noticia/desporto-e-musica-nas-comemoracoes-do-25-de-abril-em-castro-marim



sábado, 23 de abril de 2016

25 de Abril

Caros leitores,

aqui vos deixamos a notícia que a Biblioteca Sophia de Mello Breyner Andresen em Loulé no âmbito das comemorações do 25 de Abril recebeu uma coleção de filatelia alusiva ao 25 Abril de Francisco Paiva.
A Biblioteca Escolar da Escola EB 2/3 D. Afonso III assinala também o 25 de Abril com uma coleção de Luís Brás.

terça-feira, 19 de abril de 2016

Presidente da República visita Secção Filatélica da Assoc. Académica de Coimbra


O Exmo Sr. Presidente da República, Professor Doutor Marcelo Rebelo de Sousa visitou no dia 17 de abril o edifício da Associação Académica de Coimbra, no âmbito das comemorações da crise académica de 1969. O senhor Presidente, depois de descerrar uma placa evocativa da sua visita, visitou as Secções Culturais e Desportivas da AAC, bem como os Núcleos de Estudantes. Visitou então a Secção Filatélica na sua sala, onde foi recebido pela Presidente da Direcção, Carolina Henriques, José Cura, presidente do Plenário da Secção e pelo ilustre sócio Professor Doutor Carlos Freire de Oliveira, amigo pessoal do Doutor Marcelo Rebelo de Sousa. Acompanhado pelo Presidente da Direção Geral da AAC, José Dias, pelo Magnífico Reitor da Universidade de Coimbra, João Gabriel Silva, pelo sr. Presidente da Câmara Municipal de Coimbra, dr. Manuel Machado, por vários vereadores, por Alberto Martins presidente da AAC à data dos acontecimentos e outras individualidades, o Presidente enalteceu o trabalho da Academia, prestando homenagem a todos os estudantes e membros dos órgão da AAC. Na Secção Filatélica, apesar da breve visita, partilhou a sua opinião e entusiamos pela Filatelia. Filatelista em criança, assinou o nosso Livro de Honra, com uma mensagem de incentivo e agradecimento. Agradeceu ainda a oferta da medalha dos 50 anos da SFAAC para a sua coleção de medalhística, o livro de Carimbos Comemorativos de Coimbra e o inteiro postal comemorativo dos 50 anos da Secção Filatélica. O sr. Presidente da República partilhou a sua paixão de infância por selos, possuindo, por exemplo o 1º selo do Brasil. Apesar da curta visita, foi com imenso gosto e alegria que recebemos a figura primordial da democracia portuguesa, que a crise académica iniciada a 17 de abril de 1969 ajudou a construir.

Já em 1987, por ocasião do Centenário da AAC, a Secção Filatélica da AAC recebeu a visita do dr. Mário Soares, à altura, Presidente da República.

sexta-feira, 25 de março de 2016

O Mensageiro do Algarve n.º 12

Caros leitores,

aqui vos deixamos O Mensageiro do Algarve n.º 12, onde podem ver as diferentes atividades filatélicas que se realizaram no Algarve no ultimo trimestre de 2015.

Boas leituras.


sábado, 5 de março de 2016

Federação Portuguesa de Filatelia já tem Direção

Caros leitores,

hoje conforme noticiado em mensagens anteriores hoje foi eleita a Direção da Federação Portuguesa de Filatelia. Os elementos eleitos foram os seguintes:

Presidente: Pedro Marçal Vaz Pereira
1º Vive-presidente: João Maria da Silva Violante
2º Vice-presidente: João Manuel Lopes Soeiro
Tesoureiro: Nuno Tarcísio Gaspar de Oliveira Cardoso
SecretárioRaul Manuel Andrade Leitão
Vogal: Rui Miguel Matos Alves
Vogal: José Manuel Martins da Silva Pereira
Suplente: Júlio Manuel Pedroso Maia
Suplente: Fernando Alberto Mendes Calheiros


Segundo informação que temos houve dos clubes em volta desta nova direção da FPF e na aprovação das contas, não havendo qualquer clube que se tenha colocado ao lado do Eng. Vitor Jacinto.


No entanto, da sondagem feita neste blog aberta a todos que visitavam, verificou-se que dos 21 votos 2 foram a favor da recandidatura dos membros demissionários e os restantes não concordavam. Dos inúmeros sites/blog's que os clubes têm nenhum publicitou as eleições nem se pronunciou a favor ou contra sobre os fatores que obrigaram a que maioritariamente a direção da FPF se demitisse.

Da nossa parte, esperamos ter contribuído para o debate deste assunto e fazemos votos que a filatelia portuguesa possa evoluir no melhor sentido possível.

Para quem queira melhor conhecer o enquadramento que levou a esta eleição, para além de mensagens anteriores e respectivos comentários recomendamos uma visita ao forum http://www.selos-postais.com/forum/index.php?topic=13191.0


sábado, 27 de fevereiro de 2016

Eleições para a FPF-APD com lista única.

Caros leitores,

após o pedido de alguns coleccionadores que não têm ligação à federação mas que nutrem um especial carinho pela filatelia portuguesa e que leram a nossa mensagem com alguma apreensão informamos de acordo com a correspondência que recebemos e as notícias que nos vão chegando, após algumas diligências iniciais por parte da FPF que indicavam não estarem a ser cumpridos o procedimentos legais exigíveis, neste momento parece que os principais responsáveis da Federação Portuguesa de Filatelia – APD já estão a atuar dentro da legalidade. Porém, por parte do único membro não demissionário da Direção Portuguesa de Filatelia, nomeadamente o Eng. Vítor Jacinto, têm sido invocadas publicamente várias questões processuais tais como numa primeira fase não conhecer as contas que estão a ser apresentadas e numa segunda fase as mesmas não terem sido objeto de discussão e aprovação em reunião de direção da federação. O Eng.º Vítor Jacinto levanta ainda suspeitas de gastos não autorizados pela Direção da FPF, demarcando-se do relatório de contas que será apresentado no próximo dia 5 de março.
À data que publicamos esta notícia já é conhecido que só se apresentará uma lista a concorrer, sendo encabeçada por Pedro Vaz Pereira e restantes membros demissionários.
Para terminar e uma vez que não encontramos publicado na internet qualquer alusão ao próximo congresso de filatelia informamos os nossos leitores de que:
  • Dia 5 de Março de 2016 na sala Tsar do Tsar Lisbon Hotel pelas 10:30 realizará-se a primeira chamada para a sessão extraordinária para eleição da Direção da Federação Portuguesa de Filatelia;
  • No mesmo dia na sala Tsar do Tsar Lisbon Hotel pelas 11:30 realizará-se a primeira chamada para a sessão ordinária para:
  1. Apreciação do Parecer do Conselho Fiscal sobre o Relatório e Contas de Atividades, as Contas e o Balanço, elaborado pela Direção e respeitantes ao exercício de 2015.
  2. Apreciação, discussão e votação do Relatório e Contas de gerência da Direção, respeitantes ao exercício de 2015.
  3. Apreciação do relatório do Conselho Disciplinar, referente ao ano de 2015.
  4. Fixação da quota federativa e do valor do cartão de filatelista para o ano de 2017.
  5. Designação do local de realização da próxima sessão ordinária do congresso da FPF – APD.

Interessante de verificar que caso não estejam presentes delegados de agrupamentos federados que representando um mínimo de metade dos votos possíveis o congresso iniciará-se 30 minutos depois com qualquer número de presenças. Posto isto, verificamos que o tempo que medeia a eleição da direção e o congresso ordinário para aprovação de contas poderá ser de 30 minutos.


Uma vez que estas eleições para a FPF estão envoltas em tanta polémica, consideramos nós que é importante questionar os leitores deste blog sobre o seguinte: “Considera que os elementos de direção que se encontram demissionários agiram bem ao recandidatar-se no dia 5 de março?” A sondagem encontra-se numa miniaplicação à direita.


51º aniversário da Secção Filatélica da Associação Académica de Coimbra


Caros leitores,

aqui vos deixamos a notícia das comemorações do 51.º aniversário da Secção Filatélica da Associação Académica de Coimbra comemora que se realizam hoje.
O dia inicia-se com a já tradicional visita à Feira de Velharias de Coimbra, realizada na Praça Velha, onde se podem adquirir ou admirar material filatélico de grande interesse.
Depois de almoço, serão apresentadas a medalha comemorativa dos 50 anos da SFAAC e o livro de Atas do Congresso de Filatelia realizado em 2015.
Haverá ainda a eleição do selo e bloco mais bonitos do ano passado.
A tarde termina com um agradável convívio com um Porto de Honra e bolo de aniversário partilhado pelos presentes.
Durante estas 5 décadas a SFAAC tornou-se uma referência incontornável no panorama filatélico nacional, pelo trabalho árduo e de qualidade na divulgação e na promoção da filatelia nas suas várias modalidades ou classes.
A Secção de Filatelia da A.A.C., fundada por um grupo de estudantes filatelistas, teve desde sempre um papel importante na Academia, na cidade de Coimbra e em todo o país, como atesta a realização aos quatro anos de vida, da VIIª Exposição Filatélica Nacional "AEmipex 69" bem como muitas outras mostras, salões e jornadas filatélicas ao longo dos mais de cinquenta anos de existência.
Da sua atividade, que a torna hoje um dos mais importantes núcleos filatélicos da região Centro, destaca-se a criação em 1977 do "C.C.C.C.- Clube de Coleccionadores de Carimbos Comemorativos", ainda hoje o único do género no país dedicado a esta área da filatelia, e a edição da revista "Cábula Filatélica", conhecida em todo o país e distinguida internacionalmente.
Única secção filatélica na Europa que pertence a uma Associação de Estudantes e através dos seus mais de mil sócios, é atualmente uma voz viva da filatelia no panorama nacional.

Os Amigos da Filatelia desejam muitos parabéns a todos os membros da Secção Filatélica e que continuem a contribuir para o enriquecimento da filatelia lusitana durante muitos anos.

Para todos os que tenham interesse em conhecer melhor a Secção Filatélica da Associação Académica de Coimbra aconselhamos a visita às seguintes páginas:
http://filatelica.aac.uc.pt/
http://sfaac-filatelia.blogspot.pt/

domingo, 21 de fevereiro de 2016

Conteúdos Multimédia na Mostra de Coleccionismo Museu Municipal de Faro (Fevereiro 2016)

Caros leitores,

aqui vos deixamos dois vídeos que elaboramos para serem apresentados na mostra de coleccionismo que se encontra patente até ao dia 28 de fevereiro.

Vídeo apresentado na inauguração da exposição relembrando os 10 anos de atividade

Vídeo que esteve em exibição durante a mostra de coleccionismo 

sábado, 20 de fevereiro de 2016

Como reconhecer o valor de uma coleção

Caros leitores,

deixamos aqui dois vídeos de como são analisadas as coleções quando se pretende vender. O vídeo está em inglês, no entanto poderá ser muito útil para muitos leitores que herdaram coleções e pretendem desfazer-se das mesmas.

Saliento aqui os diferentes tipos de coleções que este comerciante define:

  • A grande coleção;
  • A coleção especializada
  • A coleção normal
  • A coleção de criança;
  • Folhas de selos;
  • Coleções promocionais;
  • Coleções portofólios;
  • Stock de comerciantes.



Ligações

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...